Livro: Uma Cena ao Centro Música Moderna Portuguesa 1990-1999

Separadores primários

"A nossa banda podia ser a tua vida. E foi. Um livro que mergulha nos loucos anos 90 para revelar a fotografia definitiva sobre a primeira vaga de explosão de bandas em Leiria, Marinha Grande, Alcobaça e Caldas da Rainha" - Jornal de Leiria

Este trabalho resultou do material recolhido para a tese de mestrado do autor. O estudo de caso recaiu sobre o suplemento cultural do Jornal de Leiria (JL), cujo trabalho de pesquisa deu um gozo tremendo de se fazer, redescobrindo notícias dos anos 90, numa cave com máscara e luvas, não só por causa do pó, mas também para não danificar os exemplares manuseados. Tratando-se de notícias de um jornal, acessíveis a toda a gente a partir do momento em que são publicadas, certo é que estavam dispersas, e naturalmente arredadas pelo tempo do domínio público, pois já lá vão alguns anos e tudo isto se passou numa época antes da massificação da internet, onde a digitalização escasseia.

O trabalho – simples, mas muito moroso – traduziu-se em tirar milhares de fotos a breves parágrafos ou a entrevistas de fundo, fazendo lembrar um espião dos filmes. Depois foi juntar as peças do puzzle e construir uma narrativa em forma de livro.

Neste livro, entre algumas curiosidades, poderá ter, aqui e ali, uma descrição mais exaustiva, mas era informação preciosa e seria imprudente perdê-la (outra vez), sendo que assim passou a estar registada e compilada. Esse trabalho não estava feito, e ficou agora mais acessível. Serviram de fontes de informação também diversas entrevistas e artigos que escrevi ao serviço da Preguiça Magazine, de Janeiro de 2013 a Dezembro de 2016, e mais recentemente para a Vice Portugal, entre outras fontes de diversos autores.

As despesas prendem-se com o tempo de escrita e investigação, paginação, design, revisão de texto, impressão, promoção, comissão PPL e despesas de envio.

artigo no Jornal de Leiria

artigo no Jornal de Leiria

Sobre o promotor

Pedro Miguel lança-se para a terceira obra como se fosse a primeira. Tem dois livros de contos editados, mas esta será a sua criação maior, quer pela extensão quer pelo tempo investido: 25 anos.

Estão a ver aquele puto magrinho que ia ver os concertos e ficava sempre atrás a observar? É este autor. 

Pedro Miguel trabalhou na estrada com os Silence 4 e Phase, mas depois demorou-se mais com o coreógrafo Rui Horta a fazer tours pela Europa a conduzir uma carrinha, a ouvir música, a conhecer teatros e auditórios. Mais tarde resolveu voltar a estudar e foi aí que completou a licenciatura em Comunicação Social e posterior mestrado em Comunicação e Media.

Pedro Miguel foi Dj durante 20 anos, fez rádio, participou activamente na vida cultural da cidade de Leiria, integrou associações culturais como a Fade In e ecO, fundou com amigos a Preguiça Magazine, actualmente escreve para a Vice Portugal, entrevista artistas de renome no espaço Stereogun e trabalha numa livraria.

Isto de juntar livros com música é o desfecho lógico de duas paixões que sempre se complementaram. 

o autor Pedro Miguel

o autor Pedro Miguel

Orçamento e prazos

1500 euros num prazo de 45 dias

Galeria de Imagens

Facebook