Livro "Berliet, Chaimite e UMM - Os Grandes Veículos Militares Nacionais"

Separadores primários

O livro "Berliet, Chaimite e UMM - Os Grandes Veículos Militares Nacionais", de Pedro Manuel Monteiro, é uma obra única e inédita no panorama editorial português. Será editada pela Contra a Corrente.

Que a vida dos grandes veículos militares nacionais dava um livro, já se sabia há muito. O desafio era que tipo de livro, porque ela foi tão longa e fascinante quanto polémica e cheia de segredos. Amados por uns e odiados por outros, os camiões Berliet-Tramagal, blindados Chaimite e jipes Cournil e Alter da UMM cumpriram missões de guerra e paz e foram exportados para vários cantos do mundo.

A sua imagem é familiar bem além dos quartéis militares, mesmo entre simples cidadãos que não fizeram a tropa. A História da indústria militar nacional passa necessariamente por estes nomes. Eles confundem-se com as décadas mais fascinantes da História recente do país.

Este livro conta a história e os segredos destes grandes veículos, mas também dos que os construíram, usaram em condições difíceis e hoje os preservam para gerações futuras.

Pedro Monteiro recorda as memórias e episódios da história de todos os veículos militares fabricados ou montados em Portugal. Uma oportunidade para falar de muito mais do que máquinas. Este é também um livro sobre momentos-chave da nossa História que muitos leitores viveram na primeira pessoa como a Guerra Colonial, a Revolução dos Cravos e o PREC.

Chaimite e Pandur em missão de paz no Kosovo (foto: Pedro Monteiro)

Chaimite e Pandur em missão de paz no Kosovo (foto: Pedro Monteiro)

A parceria entre os Duarte Ferreira e a Berliet no Tramagal. O caso de espionagem industrial por detrás da Chaimite. O protótipo de um semi-lagartas do Tramagal. As operações de guerra e paz por todo o mundo. O interesse dos brasileiros e sul-africanos na Chaimite. O papel das Berliet e Chaimites nos tempos do 25 de Abril e 25 de Novembro. A história da UMM contada pelos fundadores. A última encomenda militar do Tramagal. Os Cournil militares da Holanda. O interesse de Pinochet nos jipes portugueses. A despedida da Chaimite no Kosovo e na Lituânia. O destino das fábricas. O livro faz, também, o balanço dos 10 anos de história da Pandur, desde o seu fabrico ao uso em Portugal e no estrangeiro.

Contada através de locais e pessoas. Mais de 40 testemunhos na primeira pessoa de quem desenhou e construiu estes veículos, mas também de combatentes do Ultramar e de participantes do 25 de Abril, PREC e missões de paz no estrangeiro. Uma história que inclui duas reportagens exclusivas no Kosovo e na Lituânia.

Trata-se de uma edição de prestígio, limitada a 750 exemplares numerados e a um total de 144 páginas, profusamente ilustradas com fotografias de arquivo e actuais. Em função do conceito apresentado e dos conteúdos propostos, o livro “Berliet, Chaimite e UMM – Os Grandes Veículos Militares Nacionais” será impresso num formato ligeiramente quadrangular (290 mm x 260 mm), em papel couché de gramagem superior (170 g), com capa dura.

Sobre o promotor

O Autor do livro - Pedro Monteiro - Colabora com publicações de assuntos militares e é correspondente para Portugal da revista espanhola “Fuerzas Militares del Mundo”. Em 2011, publicou a monografia “Military Vehicles of the Portuguese Army” e entre 2008 e 2013 publicou artigos sobre viaturas militares na revista “Motor Clássico”. Especializado em reportagens fotográficas (www.pedro-monteiro.com), fez trabalhos com forças militares e nacionais em Portugal, Lituânia e Kosovo. Actualmente vive na Holanda, onde trabalha numa multinacional no sector de bens de grande consumo.

O Editor – Alexandre Coutinho – Jornalista freelance, 54 anos, é natural de Lisboa, onde completou a Licenciatura e o Mestrado em Comunicação Social. Iniciou a sua carreira em 1986, no semanário O Jornal, ingressando em 1988 na Secção de Economia do Expresso, de que foi editor (1998-2000) e onde trabalhou até ao final de 2010. De 2007 a 2014, foi editor da revista “Sirius” e, de 2015 a 2016, director da revista “Avião. É sócio-gerente da editora Contra a Corrente, fundada em 2011. Em 1995, criou as páginas Viagens no Meu Planeta e Volta ao Mundo de Faca e Garfo no portal Janela na Web; e, em 2009, o blogue Vida na Terra, no sítio do Expresso. Além de colaborações em diversas publicações, é autor ou co-autor dos livros “O Mensageiro de Fidel”, “Como se Faz um Presidente”, “Chevrolet em Portugal”, “Microcrédito em Portugal – Uma Nova Oportunidade”, “Auto Palace – Um Século de Vida”, “A Irmandade dos Romeiros”, “F-16 Falcões e Jaguares”, “100 Anos Chevrolet”, “Opel Ampera – Nova era na mobilidade eléctrica”, “TAP Air Portugal”, “50 Anos Alouette III na Força Aérea”, “50 Anos Porsche 911 em Portugal”, “ÓculOs – História da óptica”, “Grupo OMNI – 25 Anos de Operação em Portugal” e “Land Rover em Portugal”. Editou para o Expresso a obra colectiva “50 Lojas com Histórias”.

Berliet, Chaimite e UMM no Museu Militar de Elvas (foto: Pedro Monteiro)

Berliet, Chaimite e UMM no Museu Militar de Elvas (foto: Pedro Monteiro)

Orçamento e prazos

A edição do livro "Berliet, Chaimite e UMM – Os Grandes Veículos Militares Nacionais" tem um custo previsional de 5.325€ para uma tiragem de 750 exemplares. O montante angariado através desta campanha de crowdfunding visa assegurar, pelo menos, 50% dos custos de impressão, sendo o restante coberto pelas vendas posteriores dos livros. A este custo acrescem a remuneração do design e paginação (1.500€), tratamento de imagem (300€), copydesk e revisão (350€).

Custo de comissão de 5% do PPL (+IVA) e de 2% (+IVA) para os custos das transferências dos participantes para o montante mínimo de 2500€: 215,25€.

O prazo de execução deste projecto é de seis meses (de Novembro 2017 a Abril de 2018), tendo grande parte da recolha do material e documentação de base, assim como parte das entrevistas, sido realizados durante os anos de 2016 e 2017.

Imagens

Facebook