Centro de Cultura Libertária - Apelo à Solidariedade
PPL Causas

Centro de Cultura Libertária - Apelo à Solidariedade

O Centro de Cultura Libertária, associação anarquista com 44 anos de actividade em Cacilhas-Almada, encontra-se novamente ameaçado. A contínua pressão do negócio imobiliário, a ...

O Centro de Cultura Libertária, associação anarquista com 44 anos de actividade em Cacilhas-Almada, encontra-se novamente ameaçado. A contínua pressão do negócio imobiliário, a ...

O Centro de Cultura Libertária, associação anarquista com 44 anos de actividade em Cacilhas-Almada, encontra-se novamente ameaçado. A contínua pressão do negócio imobiliário, a alteração da lei das rendas e a gentrificação que impõem a saída de moradores dos lugares centrais das cidades, a destruição de espaços sem fins lucrativos ou o encerramento das lojas de bairro, atingem agora também o CCL.

Não é a primeira vez que a permanência do CCL na sua sede histórica é posta em causa.Entre 2009 e 2011 o Centro de Cultura Libertária resistiu contra um processo de despejo movido pelo senhorio. Apenas a solidariedade de muitos colectivos e indivíduos aqui e além fronteiras nos permitiu fazer frente aos custos do processo judicial, que acarretou dois julgamentos e um recurso. No final, chegámos a um acordo de aumento de renda que nos permitiu continuar no espaço sem alterações na duração do contrato.

No entanto, em 2014, fruto das mudanças na lei das rendas a favor dos interesses dos proprietários, a duração do contrato do CCL passou para um prazo de cinco anos. Chegamos agora, no final de 2018, à altura em que, tal como vem acontecendo a milhares de inquilinos, a continuação do arrendamento do nosso espaço ficará à mercê da vontade do proprietário e das condições que este nos quiser impor.

Sobre o promotor

O CCL é um ateneu cultural anarquista fundado em 1974 por velhos militantes libertários que resistiram à ditadura, ocupando desde então o espaço arrendado no número 121 da Rua Cândido dos Reis, em Cacilhas. O Centro possui uma biblioteca e um arquivo únicos em Portugal, com documentos produzidos ao longo dos últimos cem anos, assim como uma distribuidora de cultura libertária. Tem sido um espaço fundamental para o anarquismo em Portugal acolhendo sucessivas gerações de libertários. Durante a sua existência, o Centro acolheu inúmeras actividades, tais como debates, encontros, círculos de leitura, sessões de vídeo, oficinas, jantares ou diversas oficinas de aprendizagem, e serviu de casa a muitos grupos e colectivos libertários. Diferentes publicações aqui se editaram, como a Voz Anarquista nos anos 70, a Antítese nos anos 80, o Boletim de Informações Anarquista nos anos 90 e a revista Húmus na primeira década deste século.

Enquanto associação anarquista, o funcionamento do CCL é horizontal e tem por base a assembleia de sócios, onde são tomadas as decisões e distribuídas as tarefas inerentes à vida da associação. A participação no CCL é sempre feita de forma voluntária, não-remunerada e sem fins lucrativos. As únicas fontes de financiamento são as quotas dos associados, as receitas da livraria e dos jantares e os donativos solidários.

Orçamento e prazos

Não queremos que o CCL acabe! Queremos que continue a existir enquanto associação libertária activa por muitos anos!

Mas neste momento o futuro do CCL está em aberto: pode passar pela permanência no mesmo local, pagando uma renda bem mais elevada, ou pela mudança para um novo espaço, onde procuraríamos ter melhores condições para as nossas actividades, mas onde as despesas serão também mais elevadas.

Assim, para esta fase de transição, precisamos de 8000€, que tentaremos angariar nos próximos dois meses. Este dinheiro será utilizado na fase inicial de um novo espaço, ou para nos ajudar a suportar a renda mais elevada no espaço actual até à mudança.

Sendo que a renda prevista para 2019 é de 400 € por mês e, que existe a vontade de transitar para um novo espaço e maior, aproximar-se - à um periodo de carência, em que as obras e adaptação ao espaço novo não nos permitirão realizar dinheiro para as contas, tanto do espaço actual como do espaço futuro.

10% - Comissão PPL (inclui IVA) 20% - Recompensas (materiais e envios) 20% - Fundo para rendas no espaço actual, antes da mudança 30% - Fundo para rendas e caução no novo espaço 20% - Fundo para obras e remodelações no novo espaço.

Facebook

Qui, 15/11/2018 - 03:04

Seg, 29/10/2018 - 20:00

Primeiros cinco apoiantes

Reunimos os primeiros cinco apoiantes. Força!

Lançamento da campanha

29/10/2018

33 membros da comunidade PPL
apoiam esta campanha

  • 19
    novos apoiantes

  • 14
    apoiantes recorrentes

  • 17
    apoiantes anónimos

Conhece quem está a tornar este sonho realidade